Considerações aos leitores.

Uma janela de minha vida está aqui, nada mais é que uma simples forma de expressão. Poesias e momentos atuais serão postados. As portas estão abertas para todos vocês.


Muito grato pela visita.



Rafael Echeverria.


quarta-feira, 7 de abril de 2010

APESAR DE TUDO.

Apesar de tudo, reparo muito bem o meu futuro.
Apesar de nada, ando perdido pela estrada.
Apesar de você, como mestre Chico recitou, amanha a de ser outro dia.
Apesar de viver, até agora muito bem já viveria.

Que bom que a vida não me mataria.
Que pena è o destino que escolheria.
Entendo o quanto o tempo faz bem.
Pra quem algum dia pensou em não ter mais ninguém.

Viajei e viajei. Peguei e me re-estruturei.
Olha só aqui, tudo aquilo que guardei.
Apesar de tudo isso, eu acordei.
Apesar de nada, não mais eu serei.

Apesar de você, inventar algo tentará.
Apesar de viver, uma planta bem forte eu serei.
Apesar dos pesares, agora já me cansei.
Vem pra casa logo, aqui te amarei!

Nenhum comentário: