Considerações aos leitores.

Uma janela de minha vida está aqui, nada mais é que uma simples forma de expressão. Poesias e momentos atuais serão postados. As portas estão abertas para todos vocês.


Muito grato pela visita.



Rafael Echeverria.


terça-feira, 3 de maio de 2011

NASCE O SOL.


Dos sinais... O dia nasce.
Dos sinais... Dorme!
Calor, sim o calor! Faz sentir-me tão humano, chega a me causar dor.
A dor! Faz suar quem é tido como traidor.

Acreditem, são sinais vindos de uma flor.
Com suas espinhas, causa-nos tremor!
Com seu cheiro, fez de mim o amor.
Do amor! Fez o inferno derreter e o céu se compor!

Intenso é...
Intenso buscou...
Intenso amou...
Intenso ressuscitou.

Vasculha tua vida.
Encontra valor.
Perde uma via.
E volta para conquistar o sabor.

Hoje é o dia.
De quem jamais superou.
Amanhã será o dia...
Do Sol se recompor.

Um comentário:

Josy Poulain disse...

E como diria Gilberto Gil, "todo dia é mesmo dia, de amar, de a morte morrer. Todo dia é mais dia, menos dia, é dia é dia D."